Vera Cruz - RS, quarta-feira, 19 de dezembro de 2018
Publicado 30/11/2018 » Geral
Em busca de solução para emergências
Fonte: Jornal Arauto

Preocupadas com as causas animais, na manhã desta quinta-feira, dia 29, as protetoras e voluntárias Rita Morsch, Lisiane Moraes e Joneia Ferreira Passos estiveram reunidas com o prefeito Guido Hoff, o secretário de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, Gilson Becker, e o veterinário da Vigilância Sanitária, André Sant’Anna, para tratar de demandas em Vera Cruz. Uma das delas, segundo Rita, é o atendimento nos casos de emergência (atropelamento, envenenamento, maus tratos, dentre outros) quando ocorrem fora do expediente da Prefeitura. “Fim de semana um cachorro foi atropelado ou sofreu maus tratos, para quem eu ligo?”, indaga.

Até pouco tempo, o veterinário André era quem recebia os chamados, no entanto, como não tem sobreaviso, os encaminhamentos passaram a ser feitos para o secretário Gilson Becker. As protetoras também podem contatar com o telefone fixo da Prefeitura, que cairá na guarita em horários fora do expediente. O vigia fará o contato com Becker, que acionará o plantão da clínica veterinária, onde os animais recolhidos e abandonados são abrigados e custeados pelo município, para que seja autorizada a entrada do animal e assim receba os devidos cuidados.

Embora as protetoras aleguem não terem sido atendidas em alguns casos isolados, o veterinário André Sant’Anna lembra que existe uma demanda maior do que o orçamento previsto. “Na lei orçamentária anual está previsto R$ 54 mil para 2018. O ano ainda não acabou e já foram gastos R$ 74 mil”, reflete. “O recolhimento e o atendimento tem sido feito na medida do possível”, frisa.

Para que o atendimento e recolhimento funcionem da melhor forma, o prefeito Guido Hoff sugeriu que as protetoras das causas animais documentem como fazer para melhorar, através de sugestões. “Estou aberto para resolver, mas lembrando que temos limite de custo. Podem ter certeza que terão a sensibilidade do prefeito”, adianta. “Assim que entregarem o documento, vamos analisar e verificar a viabilidade do que foi sugerido”, completa.

André Sant’Anna também convidou Rita, Lisiane e Joneia para participarem das reuniões mensais do Conselho Municipal de Proteção, Assistência e Tratamento de Animais (Compata), que acontecem sempre na segunda segunda-feira de cada mês para que possam expor problemas e sugestões voltadas a causas animais. As protetoras irão documentar as sugestões e esperam que possam contar com o apoio do Executivo Municipal.

Reunião aconteceu na manhã desta quinta, no Gabinete do prefeito (Foto: Jornal Arauto)






JORNAL ARAUTO
(51) 3718-3400
Rua Jacob Blész, 38 - Vera Cruz - RS
Caixa Postal 58 - CEP: 96880-000
Copyright © 2010 - www.jornalarauto.com.br






by Sizing - Soluções para Internet