Vera Cruz - RS, quinta-feira, 22 de agosto de 2019
Publicado 29/01/2019 » Esporte
Cinco jogos, cinco vitórias e a liderança
Fonte: Jornal Arauto

A Kaimana entrou em quadra cinco vezes. Venceu todos os jogos e soma 15 pontos. É líder isolada do Campeonato de Verão do Clube Vera Cruz e, segundo cálculos da equipe, precisa de apenas um ponto para encerrar no topo da fase classificatória, garantindo passaporte direto à semifinal da mais tradicional competição de futsal de Vera Cruz. As vitórias são atribuídas, conforme o treinador Marcelo Henrique de Carvalho, o Marcelão, à vontade e à disposição dos atletas. “O grupo está bem unido, sabendo o que quer: que é classificar entre os dois primeiros na fase inicial, para fugir do jogo único e encarar direto a semifinal”, observa ele, que vê a fase seguinte como outro campeonato. “Jogo mata a mata muda tudo”, frisa.

Pela fase classificatória, a Kaimana joga ainda com o Sextas, no dia 1º de fevereiro, e com o Dínamo, no dia 6. “Vamos tentar vencer os dois jogos, lógico. Mas, vindo mais um ponto, destes seis disputados, somos primeiro na classificação geral”, sublinha o treinador, que enxerga nas vitórias uma motivação aos jogadores. “As vitórias sempre motivam. A gurizada fica pra cima, mais solta para jogar. Mas, ao mesmo tempo, tu tem que fazer uma correlação e estar cobrando eles, para que não aconteça de entrar num oba-oba, de achar que as coisas vão acontecer ao natural e que os gols virão sem muito esforço”, comenta. “Precisamos estar motivados, ganhando, mas sempre com o intuito de jogar e jogar bem pelo resultado. Não dá pra baixar a guarda”, arremata.

DESAFIOS 
Tradicional campeonato de futsal de Vera Cruz, o Verão do Clube conta com a participação de oito equipes em 2019. E esse número é, justamente, um dos principais desafios a serem superados, frisa Marcelão. “Quem entra ali [na disputa do campeonato], entra para ser campeão. Então, o grande desafio é superar os times, pois todos têm condições de ganhar”, aponta ele. Outro fator desafiador, destaca o treinador, é o ambiente quente dentro da quadra, o que acaba cansando muito o jogador. “Tentamos formar um grupo bastante parelho tecnicamente para poder mudar o time e não cair o rendimento. Até agora, isso está dando certo”, sublinha Marcelão, feliz com a colocação da equipe.

Kaimana ainda tem pela frente o Sextas e o Dínamo (Foto Lucas Batista/Jornal Arauto)


Comentários
Sem comentários publicados
Deixe seu comentário








JORNAL ARAUTO
(51) 3718-3400
Rua Jacob Blész, 38 - Vera Cruz - RS
Caixa Postal 58 - CEP: 96880-000
Copyright © 2010 - www.jornalarauto.com.br






by Sizing - Soluções para Internet