Vera Cruz - RS, domingo, 21 de abril de 2019
Publicado 09/04/2019 » Geral
Pedágio recorde soma quase R$ 24 mil
Fonte: Jornal Arauto

A história de vida de Yuri Machado, de cinco anos, vem comovendo a comunidade vera-cruzense. Apesar de tão pequeno, o menino vem travando algumas batalhas, após a descoberta de um tumor no cérebro. A fé tem sido o pilar para que os pais, Luana Fernandes e Roberto de Oliveira Machado, se mantenham confiantes e fortes, enquanto fazem o possível e impossível pela vida do filho.

Yuri vem comovendo e movimentando uma rede de solidariedade. Depois do engajamento na internet, com a vaquinha online, mobilização no comércio e diretamente com a família, no sábado, dia 6, voluntários realizaram um pedágio beneficente, em cinco pontos de Vera Cruz. A ação ocorreu durante a manhã e tarde de sábado, e foram arrecadados R$ 23.627 mil. 

Este é um valor recorde em pedágios solidários na cidade, cuja a média varia entre R$ 3 a R$ 12 mil, de acordo com cada entidade.

Amanda Trevisan e Ana Paula Vitalis, Soberanas do Município entre 2014/2017, tiveram a iniciativa de realizar a ação beneficente e na manhã desta segunda-feira, dia 8, tiveram o prazer de entregar à família o comprovante de depósito do valor arrecadado.

“Estamos sem palavras”, diz Roberto, emocionado. “Agradecemos a todo mundo que contribuiu”, completa. “Nossa fé está de pé ainda. Vamos lutar até o fim”, finaliza.

DINHEIRO AJUDARIA NA CIRURGIA
Antes da última consulta, ocorrida na semana passada, em Porto Alegre, o valor arrecadado no pedágio beneficente seria utilizado para uma cirurgia, que custa em torno de R$ 30 a R$ 40 mil. Porém, durante o atendimento na Capital do Estado, a família recebeu a notícia de que devido ao avanço do tumor, não é possível fazer a cirurgia. “O tumor está enraizado. Não há como removê-lo”, conta Luana. “Quimioterapia também não será possível, pois o médico disse que ele (Yuri) não aguentaria”, lamenta. 

Devido ao tumor no cérebro, o garoto está com o lado direito paralisado e com a fala comprometida, além de estar de alimentando apenas por sonda. O valor recebido será usado para o bem-estar de Yuri, na compra de medicamentos, já que está com complicações na garganta devido ao tumor. 
O menino vem tomando um leite especial (suplemento nutricional), que custa cerca de R$ 60 a lata. O garoto consome, em média, uma lata por dia. A família passa por dificuldades financeiras, pois os pais encontram-se desempregados.

Confira a matéria completa na edição impressa desta terça-feira, do Nosso Jornal.

Motoristas e até mesmo pedestres contribuíram com valores para ajudar garoto com tumor (Foto: Jornal Arauto)






JORNAL ARAUTO
(51) 3718-3400
Rua Jacob Blész, 38 - Vera Cruz - RS
Caixa Postal 58 - CEP: 96880-000
Copyright © 2010 - www.jornalarauto.com.br






by Sizing - Soluções para Internet