Vera Cruz - RS, terça-feira, 17 de setembro de 2019
Publicado terça-feira, 4 de junho de 2019 08:17 »
Ração colorida é boa opção para seu pet?
Fonte: Jornal Arauto

Muitas vezes, quando os donos vão fazer a compra da ração para o seu pet, as opções com grãos coloridos saltam aos olhos. Isso acontece, pois se associa à coloração da ração com a presença de vegetais e frutas e, consequentemente, com a maior nutrição, na composição da comida animal. No entanto, o veterinário Felipe Wazlawik alerta para o uso de corantes na fabricação de algumas rações, pois este componente pode ser prejudicial a saúde animal. 

Segundo ele, ao ingerir a ração com corantes, os animais podem desenvolver problemas de saúde. “É como na alimentação humana, essa substância é prejudicial e, por isso, não oriento ao dono alimentar seu animal com rações que a contenham”, explica. 

Os fabricantes apostam no uso de corantes nas rações para dar a impressão de que elas são mais nutritivas, induzindo os tutores à compra. “Não é porque a ração tem legumes ou é mais saudável, que ela vai ser necessariamente colorida”, alerta Wazlawik. 

CUIDADOS NA ALIMENTAÇÃO

Para o veterinário, a alimentação nutritiva dos pets é o que condiciona seu crescimento e longevidade, somada a outros cuidados como vacinas e controle de parasitas. “É através da alimentação correta que a gente consegue fornecer a eles todos os nutrientes e energia necessários para o seu desenvolvimento sadio”, explica. Para ele, uma boa ração é aquela que possui equilíbrio nutricional, quantidade de gordura adequada e qualidade da proteína. Além disso, ele explica que o mais recomendado é que essa proteína seja de origem animal. 

Na hora de escolher a ração do pet devem ser levados em conta a fase da vida, se é filhote, adulto ou idoso e se é castrado ou não. Pois para cada idade, a ração vai conter os níveis de proteína e os nutrientes adequados. “Sugiro sempre conversar com o médico veterinário, pois ele pode avaliar melhor cada paciente”, destaca Wazlawik. 

Como orientação, ele diz que há no mercado vários conceitos de rações, sendo as melhores, premium e super premium. “Elas são compostas por ingredientes que ajudam na digestibilidade, ou seja, o trato gastrointestinal consegue absorver boa parte dos nutrientes. Se isso não acontece, uma deficiência desses nutrientes é provocada”, esclarece. 

MAIS CUIDADOS

Cães e gatos podem desenvolver alergia ou intolerância a determinados ingredientes. Os felinos geralmente são os mais atingidos por essa complicação. A opção para esses animais é a ração hipoalergênica, desenvolvida com ingredientes especiais. Felipe Wazlawik explica que essa ração vai restringir uma proteína específica que é prejudicial ao animal.

Fornecer a ração com equilíbrio de nutrientes colabora para o bem-estar do animal (Foto: Jornal Arauto)


Comentários
Sem comentários publicados
Deixe seu comentário




+ Notícias relacionadas
 




JORNAL ARAUTO
(51) 3718-3400
Rua Jacob Blész, 38 - Vera Cruz - RS
Caixa Postal 58 - CEP: 96880-000
Copyright © 2010 - www.jornalarauto.com.br






by Sizing - Soluções para Internet